30 de jan de 2011

#BlogExpress: "Ele voltou"

Coração Alado

Achei que ele tinha ido a óbtito,
mas se ele fosse eu também ia, óbvio,
mas de repente ele voltou.
Ele é assim vai e volta, volta e vai,
pára, ou não pára, mas quase pára.
Tem dias que nem sinto ele,
noutro ele pesa como chumbo me puxando pro fundo,
mas ele voltou,
batendo mais calmo,
pulsando como quase flutuando,
como uma nunvem no céu voando.
Mas, ele voltou, ainda bem,
porque já estava quase do meu peito, ele arrancando.

Emerson Reinert

*Tema sugerido pela Maria Gabriela via twitter!

29 de jan de 2011

#BlogExpress: Distância

Sabe qual é a distância entre o poeta e a poesia?

Você passar no meu dia,
charmosa, menina, mulher, morena, linda e trazer de volta minha fantasia!


Emerson Reinert

*Tema sugerido pela Fernanda Coelho via Facebook!

26 de jan de 2011

Conheça o mundo!

Inauguração! Isso mesmo, inauguração do mais novo espaço do "Pensamentos Diretos".
Bom, já que me descrevi como sendo uma guia turística por paixão...venho aqui fazer jus ao adjetivo.

E a primeira dica vem lá da terrinha boa. Sábias palavras as de João Gilberto: "Ah, mas que saudade eu tenho da Bahia...", se encaixam perfeitamente no meu costante estado de melancolia em relação a este lugar maravilhoso.

E partindo para a nossa primeira viagem, seguimos rumo a Morro de São Paulo.
No coração da Ilha de Tinharé, perto da capital, Salvador, habita a ilha cheia de encantos, um verdadeiro pedaço do paraíso.
A natureza tão bem preservada e respeitada neste local não divide espaço com carros ou com a agitação de uma grande cidade. Por ser pequena, é possível visitá-la a pé mesmo...de havaianas e biquini!

A praia, dividida em quatro, parece uma pintura. Na primeira e segunda praia estão os hotéis mais luxuosos, barracas e restaurantes. A terceira e quarta praia, mais tranquilas, não ficam para trás no quesito beleza.

Passar o dia na praia, ir para o hotel, tomar um banho e voltar para a praia para curtir o luar de chinelo e roupas leves!!! Não há preço para isso. A areia que toma conta de toda a ilha nos permite um visual despojado e descompromissado que já relaxa só de pensar.

Existem pousadas e hóteis para todos os gostos e bolsos, que variam as diárias entre R$ 50, 00 na baixa temporada até altos, bem altos, preços na alta temporada. É possível se hospedar na vila ou nas praias.

Durante a alta temporada, nos picos como revéillon e ressaca do animadíssimo carnaval de Salvador, a ilha lota e vários idiomas tomam conta do território baiano. Gringos são comuns como a maresia!

Em Morro de São Paulo, não deixe de brincar na tirolesa, que sai do alto do morro onde fica o farol, ou fazer os diversos passeios que visitam outras ilhas póximas. Estes passeios são feitos por companhias de turismo e duram de um período do dia até o dia todo. Custam cerca de R$ 30,00 por pessoa e vale muito a pena. A vida noturna de Morro não é muito agitada, mas, Luaus na praia acontecem toda semana.
Para chegar lá existem duas opções. As lanchas e catamarãs que fazem o percurso Salvador-Morro de São Paulo partem do Terminal Marítimo que se localiza em frente ao Mercado Modelo em Salvador. Com saídas diárias, a viagem dura aproximadamente 2 horas (podendo variar de acordo com as condições do mar), e custa cerca de R$ 80,00 por pessoa.

Para uma opção mais divertida, é só pegar o Ferry-Boat no Terminal Marítimo até Ilha de Itaparica. Na chegada a Ilha, no próprio terminal, o próximo passo é pegar um ônibus até Valença (2 horas de viagem). Chegando em Valença você vai pegar uma lancha rápida (que faz o trajeto em uma média de 30-40 minutos) ou um barco convencional (que faz o trajeto em uma média de 1:30hs) até Morro de São Paulo. É bem mais trabalhoso, mas é divertido. Tudo isso sai em média R$ 60,00 por pessoa.

Aproveite a dica e não deixe de curtir o seu verão!

Thaíse Castro








Hora do Show

Voltando com meu post semanal sobre música, que mudou de nome para , "Hora do Show", quero falar hoje sobre duas bandas que tenho escutado com frequência nesses últimos meses: The Strokes e Muse



A primeira, The Strokes, havia escutado no carro do meu amigo Jean, voltando de Anápolis, há algum tempo atrás e havia apenas pegado o nome da banda para posteriormente baixar algumas músicas. Assim, no final de 2010 baixei a discografia completa dessa banda, que é norte-americana, e que tem um som que na minha classificação musical se encaixaria como um puro rock vintage, que lembra bastante as primeiras bandas de rock e que em algumas faixas lembram bem a maior banda de Rock de todas as Épocas, os The Beatles (talvez até no nome).

Se trata de um rock bem feito, do melhor estilo "de garagem" e com a voz sempre "rasgada" do vocalista, o almbúm da banda "This is it", de 2001 foi considerado por algumas publicações especializadas o melhor albúm de rock da década 2000.
Desse albúm, há boas músicas como "Last Nite", "Is this it", "Someday" (minha preferida) e outras (clique sobre o nome das músicas se quiser ouvi-lás).
Do albúm "Room of Fire" se destacam "Reptilia", "What Ever Happened" e "12-51" e do "First Impressions of Earth" temos a mais conhecida "You Only Live Once".
Pra quem curte um bom e velho rock e roll acho que é altamente recomendável.

A segunda banda, "Muse", comecei a ouvir depois de saber que eles vão abrir o show do U2. Como vou ao show fiquei curioso para saber quem eram esses caras e tive uma grata surpresa em ouvi-lá, principalmente depois de meu amigo "Pimpão" me recomendar a banda dizendo que para ele "Muse" hoje só pere para U2.
Fui atrás e baixei algumas músicas que muito me agradou. O estilo é bem diferente do rock dos "The Strokes", indo mais para um Rock Alternativo Melódico que se mistura com pegadas bem eletrônicas (são minhas essas classificações, viu!?).


A banda britânica estourou com o albúm "Blach Holes e Relevation" em 2006 e tem músicas em diversos filmes, e nos três filmes da Saga "O Crepúsculo". O Albúm mais recente é "The Resistance", que é o único que tenho completo e do qual gostei por inteiro. Pra quem for ao show do U2 em São Paulo vale a pena conferir as músicas, mas fica a dúvida de qual albúm a banda via privilegiar, pois eles prometeram lançar albúm novo em 2011, depois de uma parada da banda em 2010. Devem mesclar músicas novas e músicas já consagradas, segue algumas delas e minhas preferidas:

- Unnatural Selection
- Resistance
- Supermassive Black Hole
- Unidisclosed Desires
- Uprising

Bem é isso, todos os dados e músicas foram retiradas da internet então desculpa se houverem erros neles. Também ficaria grato se quiserem deixar nos comentários sugestões de bandas para os próximos posts sobre música.

Fiquem à vontade com dois estilos diferentes de ROCK, The Strokes e Muse.

Para ver outros post sobre músicas, CLIQUE AQUI

Obrigado sempre pelas visitas!

Emerson Reinert

23 de jan de 2011

Lua Nova

Começa mais uma madrugada,
olho pro céu e vejo a Lua,
hoje estamos a sós,
e em vez de poesia,
o medo toma conta de mim,
olhando a Lua, hoje me sinto como ela,
sozinha, solitária e fria,
distante do mundo, das pessoas,
brilhando sem luz própria,
estou perdido, girando em círculos,
e assim como ela, vou me retirar,
virar Lua Nova, pra esperar uma estrela passar,
ou até a maré virar e meu coração se aquietar!

Leia também "Eclipse"


Emerson Reinert

21 de jan de 2011

2011


Tudo bem, eu sei. Já passamos da metade do primeiro mês do novo ano. Mas nunca é tarde para desejar coisas boas.
Os anos passam e a medida que eles passam ,parece que eles passam ainda mais rápido. Separando algumas coisas velhas para jogar fora nos primeiros dias do ano, encontrei documentos, livros, textos que eram de 2009. Mas parece que isso foi há tão pouco tempo! Meu Deus, o tempo é implacável.
Por isso, a primeira dica: em 2011, viva!
A correria do nosso cotidiano nos puxa freneticamente para um ciclo louco de preocupações que não nos deixam sentir a chuva que cai do lado de fora do escritório, o pôr do sol que dá um tom alaranjado ao branco da sala de aula, muito menos nos deixa ouvir o canto dos pássaros em cima daquela tímida árvore em frente a nossa casa. Tente perceber tudo isso e muito mais do espetáculo que acontece todos os dias e ignora prazos, datas de vencimento e a correria do dia-a-dia.
Segunda dica? Cuide de você!
Tirar meia hora do seu dia e correr no parque não atrapalha ninguém e faz um bem inimaginável à sua saúde e bem-estar. O vento batendo no rosto, o suor levando as impurezas embora... Você vai se sentir renovado.
Se tem terceira dica? Ter, tem. Mas, se eu fosse dar todas, o texto ficaria muito extenso e eu cairia em um clichê cansativo de ler.
Só quero inaugurar meu cantinho gentilmente cedido pelo Emerson desejando um 2011 maravilhoso para todos.
Deixe as angústias e o mau tempo para trás, agradeça o dia sempre que se levantar da cama, torça e faça com que ele seja o melhor dia. Sorria, cuide da natureza e ame sem medo.
Um 2011 de muita paz, saúde, alegria e "positive vibrations" para todos!

Thaíse Castro.

20 de jan de 2011

Alma Nua

Eu sempre te quis,
e você nunca foi minha,
já foi e é meu sonho,
já falamos em certezas incertas,
nos encontramos em horas adversas,
olho pra Lua, ela me diz:
"Ela será sua!"
Bebo o último gole de vinho e
respondo com a verdade pura:
"Minhas esperanças já ficaram nas ruas,
hoje sou só eu e minha alma nua!"
Emerson Reinert

18 de jan de 2011

Abrindo os Olhos

- Ei moço, qual é a sua idade?
- Pq a curiosidade?
- Ah, sei lá, tive vontade!
- Pode falar que é a sociedade...
- Sim, é verdade!
- Afinal, pra que sentimentalidade!
- Normal, o que impera é a vaidade e a falsidade.
- Pra que né, descobrir a real identidade!?
- Mas, fica pelo menos na amizade!?
- Rsss....Moça, larga de piedade e bondade, essa é nossa humanidade, voltei à sobriedade pra ver que gostamos muito mais da maldade.
















Emerson Reinert

17 de jan de 2011

Aos Últimos Boêmios Apaixonados


Eu nasci com algum atraso,
devia ter nascido um pouco mais no passado,
onde amar e se declarar não era para os fracos,
era sim para o boêmios simpáticos, apaixonados,
que amavam e xingavam e cantavam,
bebiam e cantavam,
bebiam e prozeavam,
e de amor, bebidas, proza, músicas e mulheres se acabavam!
Hoje me sinto assim uma música do passado, deixada de lado,
um dos últimos boêmios apaixonados!

Emerson Reinert

15 de jan de 2011

Um Versinho quase Triste

Um versinho triste em escrever eu pensei,
duas vezes eu tentei,
mas, parei.
Parei porque hoje eu acordei,
olhei pro lado e lembrei,
em quantas aventuras já me joguei,
que ao amor sempre quando ele chama me entreguei,
e que as pequenas coisas da vida ao máximo aproveitei.
Então, parei, respirei e me alegrei.
E esse versinho finalmente ao fim cheguei.


Emerson Reinert

12 de jan de 2011

Brincadeirinhas

Meu Oceano

Quero mergulhar no MEU Oceano Azul!
Você linda e seu corpo NU!










Seu Rapaz


Quer saber o que quer esse rapaz,
é simple demais.
uma chuvinha e carinhos seus,
assim durmo e vivo nos braços da paz!







Segura a Bruxa
211 começou,
e a Bruxa tá solta,
só que dessa vez vou pra cima dela de voadora!









Desapaixonados S.A.


Meu coração anda emperrado,
hoje em dia sou titular,
no time dos desapaixonados,
só espero que ele não tenha se aposentado!




Emerson Reinert

7 de jan de 2011

Voando no Escuro!


Ano novo de novo e o que faremos de novo?

Nesse ano vou cada vez mais experimentar o novo, assim como fiz em boa dose em 2010!

Nesse ano vou fazer igual fiz em Florianópolis, no meu penúltimo dia em terras Catarinas.

Era noite estrelada, +- 4 horas da manhã e fomos rumo às Dunas da Joaquina, uma das mais famosas do Brasil. Mas, era noite.

Lá ficamos observando a cidade, o mar e o mini "pantâno" perto dali exalando milhares de sons. Após, uma breve visita ao mini "pantâno" o que já foi algo diferente, subimos na Duna mais alta de todas e lá estávamos.

E agora aqui estamos na primeira semana de 2011.

O coração bate acelerado e assim batia. Olhamos pra baixo e nada vimos somente um breu, a escuridão e uma sensação deliciosa que nos convidava a nos jogar naquela duna enorme.

Aqui estamos, olhando adiante sem nada enxergar de fato. Há um breu que irá se esclarecer com os passar das horas e dos dias.

E assim, contamos até três e saímos correndo como loucos....

Era uma sensação incrível parecia que flutuávamos, sem saber onde pisávamos, tinha horas que parecia que não tinha chão mais, mas o pé mesmo assim pegava impulso, não enxergávamos um palmo a nossa frente e tudo isso somado a sensação de extase fazia parecer que àquela descida de uns 15 segundos durou uma eternidade de felicidade.

Descemos correndo, voando, flutando, saltando a duna somente pela sensação de estar ali vivendo aquele momento, sem pensar em nada, muito menos na iminente subida que fariámos depois (rs)!

Foram 15 segundos ou um pouco mais de gritos, adrenalina, tensão, prazer e risadas, além do medo de a qualquer momento sair capotando duna a baixo.

No fim estavámos lá embaixo morrendo em gargalhadas com o coração pulando pra fora e a felicidade contemplada em nossa alma.

E assim vejo 2011, como uma enorme duna, na escuridão a ser descida correndo ou voando, mas, porém, com tudo, todavia e entretanto aproveitando o máximo possível e sentindo cada passo que darei.

O novo é algo estimulante e como diria este quase poeta que vos escreve "porque o que nos move é a busca", a busca por algo novo, por uma nova e deliciosa sensação e a busca é algo que tem ser constante e será nesse ano novo, a busca por sermos cada vez mais felizes de corpo e alma.

Bem a história da Duna acaba com subida incrivelmente grande e ingríme na qual tive que parar 3 vezes para conseguir subir e mesmo parando 3 vezes achei que não conseguiria. E assim também é a vida, às vezes experimentamos deliciosas sensações e logo em seguida somos colocados a prova, mas quando isso acontecer nosso coração estará cheio e enfretaremos as subidas que tivermos que subir!!!

Depois de subir a duna nos lembramos que o voô de um de nós saia em 50 minutos e estavámos a 30 minutos do aeroporto.

No fim tudo deu certo.......

E espero que no fim de 2011 tudo de certo para todos nós e que tenhamos descido muitas dunas e provado muitas sensações e sentimentos novos e tenhamos muitas histórias pra contar, porque de nada vale a vida se você não tem uma boa história pra contar!!!


*Na foto do começo, se vê duna, areia e uma linha e depois o breu, como se não tivesse mais areia, pois é, foi isso ai!
A foto abaixo é do mini "pantâno" de dia.




Emerosn Reinert

5 de jan de 2011

DENGOSO

Mesmo sem ter dengue,
e por seu dengo não ter,
fiquei DENGOSO!
Emerson Reinert

3 de jan de 2011

Toda Anjo

Um dia vou ai,
te pego pra mim,
viro seu e você,
anjo solto,
anjo dos olhos,
do sorriso,
anjo de tudo,
ai você me leva com você,
pra onde você escolher e querer!



Emerson Reinert