27 de out de 2010

Quebra-cabeça!



Os sentimentos me confudem.
Não quero mais do mesmo.
Quero muito do que não sei.
O que você sente, não sei.
O que sinto, não sei.
Não sei, e nem quero saber ,
Só sei que quero muito do que não sei.
Cansei, de saber, de calcular, de fazer.
Peço por favor, com toda sua beleza,
me pegue assim,
De jeito, mas de surpresa.
Assim, viro seu príncipe,
Você vira minha princesa.
E assim, fechamos nossos joguinhos de palavras e olhares
E completamos de vez o nosso quebra-cabeça!
Emerson Reinert

2 comentários:

Su disse...

Ounn.. q verso lindo!!!

Beijooss!

Brenda de Oliveira disse...

Oi, amigo da minha irmã e leitor do meu blog! :]
Não sabia que tinha blog...