14 de set de 2010

100 Dias

Ontem sai a te procurar,
corri, andei e não achei.
Por ruas, avenidas e parques eu passei,
e nada de ter encontrar.
Precisava de você pra me iluminar,
me inspirar.
Mas, nada de te achar.
A fumaça cinzenta, feia e suja te encobria.
No dia em que resolvi a você buscar,
Sol, o ser humano sem humanidade te escondia.
mm
*"Homenagem" ao centésimo dia sem chuva em Goiânia e às queimadas!
mm
Emerson Reinert

Um comentário:

sorriso de julia disse...

quem sabe um dia vá a um parque de tardezinha, pra tomar um café.